O DIREITO DOS ANIMAIS COMO UMA DECORRÊNCIA DO PRINCÍPIO DA HARMONIA E O MEIO (AMBIENTE) E A SUA COMPLEXIDADE DIVERSIDADE

CLIENTELA: cursos de Direito, Medicina Veterinária, Agronomia e Engenharia Ambiental e Sanitária; JUSTIFICATIVA: O meio ambiente sofre as mazelas da ação do homem constantemente. Tratar sobres a proteção do meio ambiente, proporciona mudança de paradigmas na busca por melhorias nas ações praticadas, tanto pelo Estado, como pela sociedade em geral; OBJETIVOS: Demonstrar que os animais também são detentores de direitos; PALESTRANTES: Raquel Domingues do Amaral (Juíza Federal da Subseção de Campo Grande/MS; Doutoranda no Programa de Doutorado Interinstitucional entre USP e UFMS); André Luís Valverde Fernandes (Doutorando em Geografia pela UNESP);